sexta-feira, 23 de maio de 2014

RETIRADA

Michael   Solovyev 

" Respeite  o silêncio
a omissão
a ausência .
É meu movimento  de deserção.
Abandonei  o posto,
rompi a corda ,
desacreditei de tudo .
Cansei de esperar  que finalmente um dia ,
minha fotografia 
fizesse jus ao seu criado-mudo "

  in , " Calçada de Verão "
Flora Figueiredo 
poeta ,cronista e tradutora ,
nascida em São Paulo , em 1951 .

Som  na  caixa ...   


34 comentários:

  1. Marisa, antes de mais, adoro esse dueto com Vanessa da Mata e Ben Harper!
    Deois, o poema de Flora Figueiredo é sucinto, com convém, e muito bem construído, e intenso nas intenções. Quantas vezes não precisamos ausentar-nos, desligar-nos de tudo, para um encontro connosco a sós, com vista a um regresso em força...?
    Gostei muito.
    Um bom fim de semana para ti!
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Laura , neste post a ordem usada foi a que apontou . Primeiro parti da música que gosto bastante e depois fui em busca do poema que se encaixasse nela . Penso que o escolhido da Flora Figueiredo ficou bem . Assim , quando os amigos aprovam me sinto feliz . Obrigada . Beijos

      Excluir
  2. O silêncio e a ausência é por vezes necessário, adorei. Um bj grande amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nádia , concordo com você . Bom que tenha vindo . Obrigada . Beijos

      Excluir
  3. A contensão discursiva é surpreendente. E a firmeza do eu para demarcar o seu território com um rigor que não deixa dúvida quanto à sua intenção de preservar sua individualidade. Sem mágoas explícitas, sem ímpetos, o sujeito esmaga qualquer outra possibilidade. Vai fundo para encontrar sua plenitude! Sem remorsos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José Carlos , sua opinião sempre vem somar . Obrigada . Gosto da retirada assim , sem remorsos ! Beijos

      Excluir
  4. Oi Marisa, eu adoro a Flora Figueiredo, tenho um livro dela que não canso de reler. Este poema é lindo, o momento em que desistimos de dar murros em ponta de faca e resolvemos ir adiante. A imagem também é muito bonita, adorei!
    Bjs e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cristiane , tenho alguns poemas da Flora Figueiredo publicados no blog . Como você , gosto da escrita dela . Agradeço a visita . Beijos

      Excluir
  5. Linda poesia e momentos de retirada devem ser respeitados.
    Ótimo dia e fds! bjs,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica , o poema reforça o respeito pela retirada decidida , não é ? Beijos e ótimo final de semana .

      Excluir
  6. Muito linda poesia, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom que tenha vindo e gostado , Lisette . Obrigada . Beijos

      Excluir
  7. Boa tarde,
    O vídeo da vanessa com o Ben é excelente, o poema é lindo, a ausência muitas vezes é necessária para reencontrar o desejado,.
    Dia feliz
    ag

    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim , António . A ausência se faz necessária , muitas vezes . Me alegra que tenha gostado de minhas escolhas . Abraços

      Excluir
  8. En ocasiones una retirada a tiempo nos da la suficiente fuerza para seguir adelante, habiendo previamente tenido un monólogo en nuestra Soledad.
    Es conveniente elevar las anclas y navegar a un Espacio que nos permita decidir y entender muchas cosas. Magnífico Poema de FLORA FIGUEIREDO y una canción preciosa en ese Video.
    Abraços e Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Pedro Luis , você é mais um amigo que se agrada da postagem . Concordo com você quanto aos motivos da retirada . Agradeço sua vinda . Beijos

    ResponderExcluir
  10. Hoy después de un día de votaciones, lo mas gratificante han sido sus poemas que ayudan a descargar esta energía negativa que los políticos y medios nos machacan cada día. Felicitarla por compartir su tiempo con nosotros deleitándonos con estos hermosos trabajos .Saludos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juan Jose Pedro , seu comentário me deixa convicta que a partilha do que gostamos nos aproxima dos afins . Muito obrigada . Bela semana . Abraços

      Excluir
  11. Marisa,

    otima poesia e, que bacana, tinha acabado de ouvir justamente esta musica e eis que a encontrei aqui tambem!

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Sissym , antes desta postagem , ouvi várias vezes no rádio do carro , neste trânsito caótico de São Paulo , a música da Vanessa da Matta e achei interessante publicá-la com um poema . Penso que deu certo , não é ? Agradeço sua vinda . Beijos

    ResponderExcluir
  13. Bom dia Marisa ,muito linda a poesia e a música adorei ,bjs e um maravilhoso dia.
    http://crismandarini.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom ter vindo e gostado , Cris . Obrigada . Beijos

      Excluir
  14. Marisa: pura Arte..sempre por aqui.abraços meus querida amiga e obrigada pelo carinho no meu cantinho.b

    ResponderExcluir
  15. Seus blogs merecem ser conhecidos e visitados , Lia . Me deixa alegre ter gostado do post . Obrigada . Beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá,Boa noite,Marisa
    Como vai?
    Flora Figueiredo
    Muitas vezes, mantemos relações já desgastadas, nas quais o prazer foi esquecido há muito tempo. Carregamos nas costas o peso do comodismo. Temos que procurar nas nossas próprias atitudes as mudanças necessárias, na sinceridade a busca do que é melhor para o casal...e se a "retirada" for o melhor caminho,que assim seja!
    Sim, com meu blog ,com administração dupla, estou postando uma vez por semana, aos sábados, e dentro da(dessa) semana, estou tentando retribuir e visitar..realmente, estou com muito pouco tempo disponível, ainda, para blogar, mas tudo vai se ajeitar...espero!
    Agradeço pelo carinho,bela semana,muita paz e luz, beijos!

    ResponderExcluir
  17. Felisberto , estava saudosa de suas visitas e comentários . Você me faz companhia há muito tempo . Seu blog sempre fará sucesso , com certeza . Obrigada . Belos dias . Beijos

    ResponderExcluir
  18. Viva!
    Hoje tive um tempinho extra, para poder ler e comentar como deve de ser.
    Normalmente uso o G+1 para marcar presença, mas nem sempre me satisfaz e aqui parece nem ter a opção.
    É um privilégio ler escritos bons, e eu vou tentar ser mais presente.
    Abraços e beijos. D

    http://acontarvindodoceu.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  19. Obrigada . Já estive no seu espaço e me encantei com o que li , vi e ouvi . Sigamos juntas . Beijos , M D Roque .

    ResponderExcluir
  20. Td muito belo e romântico por aqui.abraçosss

    ResponderExcluir
  21. Obrigada , Vara Maria . Venha mais . Venha sempre . Beijos

    ResponderExcluir
  22. OI MARISA!
    SEMPRE COM ESCOLHAS QUE MERECEM NOSSA ATENÇÃO E AGRADECIMENTO.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zilani , sempre delicada .
      Obrigada .
      Beijos

      Excluir
  23. Obrigado por nos apresentar a poesia brilhante e sincera da Flora Figueiredo! Um abraço, Marisa!

    ResponderExcluir
  24. Obrigada pelas palavras e presença , Anderson .
    Beijos

    ResponderExcluir